Slideshow shadow

A Bodega

A Bodega

A Bodega dista 5 km do centro da cidade e é de fácil acesso

A Bodega é um lugar de visitação obrigatória.  Não se deixe levar pela primeira impressão que o nome Cachaçaria pode induzir: trata-se de um programa para todos, um verdadeiro ponto de encontro para casais, famílias e grupos de amigos.

O ambiente é familiar e rústico, fruto da atenção de Ernesto Ferrari, seu criador, e seus funcionários, e tem diversão também para as crianças.

Com o aspecto de um grande armazém, a Bodega é povoada de jardins com árvores nativas e exóticas, arbustos floridos, gramados e caminhos que levam a pequenos lagos com peixes, plantas e fontes.  Há ali um pequeno orquidário onde é possível adquirir seus espécimes e também mudas de outras plantas decorativas, como leguminosas e cactáceas, e até condimentos e ervas medicinais.

A Bodega

Os sabores são tão variados que você logo encontra o seu

O armazém oferece atrativos irresistíveis: o olhar e o paladar poderão ali satisfazer-se por quase um dia todo.

São cachaças envelhecidas em tonéis de carvalho, para você degustar livremente e apreciar os mais variados sabores como cambuci, uva, figo, damasco, carambola, cidreira, chocolate, amora e mel, entre os adocicados, e ainda alcachofra, piqui, carqueja, azeitona e pimenta, entre os mais rascantes.  Ernesto segreda que a de nêspera é sua favorita; a do público é a de figo.  São quase 50 sabores diferentes.

Há ainda vinhos coloniais oriundos do Sul do país, cervejas, queijos, salames e embutidos de lombo de javali, calabresa e picanha ao alho.  Para completar, conservas, frios, pimentas, doces, geléias e biscoitos.

A Bodega

Salames & queijos

Inaugurada em 2003, A Bodega tem experiência anterior acumulada: Ferrari tencionava originalmente a produção de vinho, favorecida pelo clima serrano da Mantiqueira.  Logo tratou de informar-se e assim visitou feiras e eventos, consultou fontes diversas e visitou incontáveis produtores no Sul.  Ao cabo de tudo que viu e ouviu, tendo se encantado com uma coleção de cachaças artesanais que conheceu, decidiu-se por estas.

Trouxe do Rio Grande do Sul uma grande carga de tonéis de carvalho e iniciou sua produção logo depois, no início do milênio.  Por sugestão de amigos e outros frequentadores, experimentou curtir algumas cachaças com frutas e condimentos em galões de vidro.

Depois de uma década de experimentações, você terá o privilégio de apreciar os resultados.

É com prazer que Ernesto conversa explicando que a cana é colhida e a cachaça destilada entre os meses de agosto e novembro, quando o teor de açúcar é ótimo por conta do período de estiagem no canavial, para a seguir descansar por seis meses em tonéis de madeira amendoim.  Só após este período é que vai para os tonéis de carvalho, nos dezoito meses seguintes que lhe emprestarão o delicioso sabor seco e amadeirado, além da cor.

Ernesto sonha poder concluir seu projeto, que consiste em desenvolver no lugar uma mini-fazenda exemplar, aberta à visitação permanente e totalmente conforme às necessidades sociaoambientais de nossa época.

Ficha Técnica:

– abre aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h

– capacidade para 100 pessoas

– fica na Estrada do Machadinho, km 5

Santo Antônio do Pinhal, SP – CEP 12450-000

– (12) 3666-1326

– email: ernesto@abodega.com.br

A Bodega

Bom atendimento e sala de estar

A Bodega

A experiência é uma festa para o paladar

A Bodega

Doces e geléias de frutas

A Bodega

Repouso de dezoito meses em tonéis de carvalho

A Bodega

Condimentos

A Bodega

Artesanato

A Bodega

Plantas ornamentais

A Bodega

A garotada adora os pôneis

A Bodega

O espaço para passeios e diversão é generoso

 


Deixe uma resposta